Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Alunos falam sobre a amizade: parceria nos estudos e histórias para compartilhar

Alunos falam sobre a amizade: parceria nos estudos e histórias para compartilhar

Alunos falam sobre a amizade: parceria nos estudos e histórias para compartilhar

Os anos vividos na escola podem se tornar marcantes para os estudantes, não apenas pelo conhecimentos e formação social adquiridos, mas também pelas amizades nascidas no ambiente escolar, que, muitas vezes, se tornam laços para a vida toda.

As conexões feitas pelos estudantes no ambiente escolar podem se transformar em parceria dentro e fora da escola. Esse é o exemplo de Giovani Rossilho e Gustavo Prezotto, ambos de 16 anos e que cursam o 2º ano do ensino médio. Amigos desde a educação infantil, eles contam que a amizade vai além dos portões escolares.

“Mantemos a amizade dentro e fora do colégio. Saímos juntos, jogamos, conversamos, frequentamos um a casa do outro”, conta Giovani sobre as atividades realizadas em conjunto.

PARCERIA PARA O ESTUDO – A colaboração para o aprendizado está dentre os principais benefícios apontados por eles em relação à amizade surgida a partir do convívio na escola. “Nós nos ajudamos nos estudos, pelas redes sociais, telefonemas, pessoalmente, por aulas “particulares”, principalmente nas matérias que um dos dois tem mais dificuldade, um sempre auxilia o outro”, conta Giovani.

Além de auxiliar a aprendizagem, as experiências compartilhadas nesse período também se tornam memórias após a conclusão de ciclos. “Tenho várias histórias e lembranças marcantes. Uma das mais interessantes foi a viagem ao Petar, promovida pelo colégio. Nela, eu e o Giovani apostamos corrida numa atividade chamada boia cross, onde era necessário atravessar rio abaixo com auxílio de uma boia. Nos divertimos muito!”, destaca Gustavo.

MEMÓRIAS – Já os alunos Matheus Martins Souza e Giovani Dalosta, de 17 anos, que cursam o 3º ano do ensino médio, destacam a companhia ao longo de 10 anos de amizade. “A melhor parte é a companhia em todos os momentos, desde a sala de aula até nas viagens”, aponta Matheus.

Além de colecionar memórias sobre fatos vivenciados no colégio e em viagens, eles também sabem que, com a amizade, terão auxílio para desenvolver trabalhos escolares e esclarecer dúvidas sobre o conteúdo passado pelos professores. “Quando perco uma aula ou estou com dificuldades em relação ao conteúdo, procuro o Giovani”, conta o estudante.

 

Texto: Gabriela Melo
Edição: Angela Rodrigues
Fotos: banco de imagens Pexels
Última atualização: 30/05/2018